Os Doces Anos de LaVyrle Spencer

Compartilhe este post

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on twitter
Share on email

Por Maioli

A Pedrazul Editora trouxe um dos mais doces romances pastoris da história da literatura contemporanea, Os Doces Anos, de LaVyrle Spencer. Embora seja uma renomada autora, LaVyrle nunca teve suas obras lançadas no Brasil. São 12 livros bestsellers do The New York Times, entre eles Os Doces Anos. Ansiosos para saber um pouco mais de LaVyrle Spencer e a sua obra? Relaxa, pois vamos destrinchar tudinho juntos nesse post!

O livro da escritora americana, natural de Minessota, conta a história de uma jovem chamada Linnea, então com 18 anos, prestes a começar sua carreira profissional como professora. Entretanto, ao chegar na estação de trem, Theodore, um agricultor de 34 anos, recebe a mocinha para hospedá-la em sua casa junto de sua mãe e do filho de 16 anos.

A contracapa do livro traz Linnea e Theodore a caminho da fazenda

Linnea vive a primeira aventura fora de casa. Radiante, com a alegria de pisar em terreno novo e disposta a ajudar na educação da comunidade, sua energia incomoda Theodore. Realmente, a professora quebra os paradigmas da comunidade rural, deixando o agricultor ainda mais irritado, junto da preocupação da nova colheita.

Acredito que vocês já entenderam tudo, né? A diferença de idade entre os personagens torna as coisas estranhas entre eles. Theodore até tenta se afastar de Linnea, mas como se convivem na mesma casa? A professora quebra as barreiras da tradicional comunidade e muda a percepção da sociedade local com o tempo. Entretanto, Theodore se torna mais um desafio que Linnea toma para si. Ela está em busca da realização completa entre o lado profissional e pessoal, tendo como foco o amor incondicional para ter sucesso nos dois âmbitos da vida.

O que dizem os leitores de Os Doces Anos…

Chirlei Wandekoken, editora da Pedrazul

Quais os motivos para que a Pedrazul Editora lance o livro Os Doces Anos, de LaVyrle Spencer? Bem, são muitos. Leitores assíduos de todo o Brasil e apaixonados por romance, com o passar do tempo, se cansam dos clássicos facilmente encontrados em solo tupiniquim e partem em busca de novos horizontes. Encontram, entre montanhas descampadas e pedras monumentais, a paisagem perfeita dentro de obras nunca antes traduzidas por nenhuma editora. Foi dessa forma que as leitoras que experimentaram os textos de LaVyrle Spencer conheceram o bestseller Os Doces Anos.

Vamos começar então pelo motivo em especial do lançamento. Chirlei Wandekoken, fundadora da Pedrazul Editora, leu há muito tempo Os Doces Anos e ficou fascinada pela história. “Ela nunca foi lançada aqui (no Brasil), embora seja uma autora best-seller, com diversos livros com adaptações cinematográficas. O livro traz ainda um mote muito atual, uma pandemia, no caso do livro, a da Gripe Espanhola, além de ser ambientando na Primeira Guerra Mundial. Então eu tinha um objetivo pessoal de lançá-la no Brasil através da Pedrazul Editora, pois Os Doces Anos foi um livro que me marcou bastante”, conta Chirlei.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

1 × três =

Inscreva-se Em Nossa Newsletter

Receba nossas atualizações e leia o melhor da literatura clássica aqui

Explore Mais

ADAM BEDE, DE GEORGE ELIOT

Adam Bede, o romance de estreia de George Eliot, conta uma história de amor na Inglaterra rural do século XVIII. Adam Bede é um jovem

Quer conhecer mais e ter acesso exclusivo!

Assine a melhor literatura clássica disponível no Brasil